domingo, 27 de novembro de 2011

Aprenda como usar seu baixo!






Tenha interesse por instrumentos de percussão.
 Como a bateria. O baixo, apesar de tocar notas musicais, tem muita coisa a ver com percussão. O bumbo da bateria e o baixo devem estar "casados". Geralmente, bateristas e baixistas mantém um bom relacionamento por causa de seus instrumentos.

Amplie seu conhecimento harmônico
Sem ele você será um baixista limitado e sujeito a dar muitas "notas na trave". Creio ser necessário para o baixista tocar algum instrumento harmônico, como violão ou teclado, para que tenha uma "visão panorâmica" das músicas que executa.

Estude com o apoio do metrônomo
Este objeto pode incomodar, mas ninguém pode se considerar um músico quando "briga" com o metrônomo. Todo bom músico deve submissão a ele; o metrônomo sempre estará certo.

Quando pegar seu instrumento. 
 Faça um exercício (escala) ou toque uma canção.  
Tenha sempre algo sensato para praticar nele.

Cuide da manutenção de suas cordas
As cordas do baixo elétrico são muito caras, por isso, seja disciplinado em limpar com uma flanela todas as vezes que terminar de usar seu instrumento. O suor coopera para o desgaste precoce das cordas.

Outra dica importante é ferver as cordas em água e secá-las, quando estiverem bem envelhecidas. O brilho será devolvido ao som. Não durará muito tempo mas prolonga um pouco mais a vida das cordas.
Envie seu instrumento para revisão periodicamente.
É necessário, pois, alguns componentes, como a ponte, influenciam na afinação do instrumento se estiverem desregulados. 

Boa sorte.

sábado, 12 de novembro de 2011

Você ainda quer desistir ? Tente Outra Vez


Tente Outra Vez 

Veja!
Não diga que a canção
Está perdida
Tenha fé em Deus
Tenha fé na vida
Tente outra vez!...
Beba! (Beba!)
Pois a água viva
Ainda tá na fonte
(Tente outra vez!)
Você tem dois pés
Para cruzar a ponte
Nada acabou!
Não! Não! Não!...
Oh! Oh! Oh! Oh!
Tente!
Levante sua mão sedenta
E recomece a andar
Não pense
Que a cabeça agüenta
Se você parar
Não! Não! Não!
Não! Não! Não!...
Há uma voz que canta
Uma voz que dança
Uma voz que gira
(Gira!)
Bailando no ar
Uh! Uh! Uh!...
Queira! (Queira!)
Basta ser sincero
E desejar profundo
Você será capaz
De sacudir o mundo
Vai!
Tente outra vez!
Humrum!...
Tente! (Tente!)
E não diga
Que a vitória está perdida
Se é de batalhas
Que se vive a vida
Han!
Tente outra vez!...           ( Raul Seixas)