sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

OUVIR OU ESCUTAR


Ouvir e escutar são coisas completamente diferentes.
Ouvir está relacionado aos sentidos da audição, é superficial, não é absorvido como conhecimento ou aprendizado, não faz diferença alguma, pois logo pode se esquecido.
Escutar, porém, é prestar atenção, sentir, perceber, dar ouvidos. A escuta gera transformação quando a pessoa pensa no que escutou, guarda o que aprendeu e reflete sobre o assunto.
Ou seja, ele entende e compreender o que está sendo ouvindo no fator música. Procure escutar coisas sem pressa, a pressa faz com que você não se concentre no que esta sendo tocado. O escutar esta muito além do tocar, tocar qualquer um toca, pense no ouvido ativo ele não precisa do instrumento. Abaixo deixo um pequeno texto de Stravinsky reflita nele.
(Daniel Vacani)

Aqueles que tiveram contato com a música entendem-na melhor e, aqueles que entendem, escutam melhor. E nós nunca teremos um mundo no qual a música será genuinamente entendida, apreciada, contemplada e amada até que os ouvintes se tornem ativos novamente – ativos não apenas no desempenho da música, mas empregando esforços para participar inteligente e receptivamente em tudo o que eles ouçam.
(Igor Stravinsky)                            Obs: Quadro acima é O Grito de Edvard Munch

Nenhum comentário: