quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

BRAÇOS EMPENADOS E CUIDADOS BÁSICOS


Hoje a dica vai para instrumentistas e estudantes que querem cuidar bem de seu instrumento como o violão e a guitarra etc... Os instrumentos de cordas no geral sofrem muito a influência da temperatura, sobretudo aqui no Brasil, onde, num só dia, faz calor e frio ai as cordas demoram um tempo para se estabilizarem ou seja a afinação demora pegar ou fixar no instrumento. A madeira também sofre uma alteração porque o braço é uma espécie de termômetro; basta uma mudança de temperatura, para ele também se alterar. E não existe nada mais frustrante e desagradável do que um braço "empenado". Portanto, aqui vão algumas dicas para saber se o braço de sua guitarra ou violão está ou não empenado.

Alinhe de modo que se possa vê-la numa linha reta, podendo-se notar uma curva, para frente ou para trás, o braço está "empenado". Um outro detalhe: se um lado estiver mais empenado que o outro, o braço está "torcido"! Um grave problema. Outra forma usada consiste em pressionar, ao mesmo tempo, a primeira e a última casa do braço do violão. Olhando para o centro do braço, se a corda estiver alta, o braço está empenado.

Corrigir esse problema até que é simples, mas devem-se tomar cuidados importantíssimos! Por isso é importante conhecer bem o instrumento, para que outros problemas sejam evitados. Por exemplo:

O "Tensor" é uma espécie de barra de ferro que, localizando-se no interior do braço do violão ou guitarra, mais especificamente entre a escala e a parte de trás do braço, e ele tem a função de tencioná-lo. A ponta do tensor (bucha) geralmente fica no final do braço embaixo, ou pode localizar-se no começo do braço também. Quando o braço do violão empena precisamos regular esse tensor (ferro dentro do braço). Então aqui vai algumas dicas que podem ajudar muito esse tipo de transtorno.

o    Guardar o violão ou a guitarra com a frente dela sempre voltada para a parede ou para o chão- pois assim você não estará colocando mais pressão além das cordas sobre o braço.
o    Mantenha o instrumento em um local apropriado, ventilado, protegido da poeira, umidade, luz solar, e deixando o instrumento sempre em um pedestal, estante, mala ou capa apropriado, para não haver risco do mesmo ficar empenado.    
         
o Periodicamente faça uma boa limpeza sobre todo o instrumento, com flanela ou pano limpo e seco, se   possível desmontando ele (desde que você saiba ou se sinta seguro sobre o que está fazendo), ou leve seu instrumento regularmente para um luthier"(pessoas especializadas em regulagens de instrumentos) de confiança, para que ele possa limpar seu instrumento peça por peça e ainda poder fazer alguma regulagem e afinação quando necessário.

Um abraço espero te ajudado!!
( Daniel Vacani)


Nenhum comentário: